top of page

Querendo-se sem falha, será o mais incompleto dos seres. Daniel Faria



«Creio que o mais egoísta dos homens é aquele que recusa dar aos outros a sua fragilidade e as suas limitações. Quem recusa aos outros a sua pequenez, comete um dos mais infelizes gestos de prepotência. E porque aí se rejeita, aos outros não poderá dar senão o sofrimento da perda. Querendo-se sem falha, será o mais incompleto dos seres.» O livro do Joaquim. Daniel Faria.


Hoje refletia sobre a questão de reconhecermos as nossas fraquezas e limitações, e como podem ser um mote para encontrar outros alicerces ou descobrir outras grandezas.

Como se pode encontrar a alegria na humildade, no reconhecimento dos nossos limites, na nossa pequenez. 


Reconhecer, libertar e partilhar com alguém que estimamos! Assim se constrói a confiança, que é contrária aos medos que tantas vezes nos bloqueiam. 

Empurramos para debaixo do tapete algumas questões, mas há sempre um dia que vamos ter de saber varrer (quiçá aspirar) ou organizar. 


O mundo emocional está sempre cheio de poeiras, sensibilidades e assuntos mal resolvidos. 


Ânimo e coragem para mais uma semana! 


Sofia




0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page