top of page

Conciliação Trabalho-Família




A conciliação trabalho-família é uma preocupação para a maioria das famílias. O equilíbrio família-trabalho diz respeito à capacidade de cumprir funções e atividades, bem como distribuir, de forma equilibrada, o tempo e o esforço para as desempenhar, priorizando as mais importantes e urgentes, podendo incluir outras dimensões como o lazer e a cidadania (Faria & Loureiro, 2021).


O conflito de papéis tem estado associado a uma menor satisfação com a vida, ansiedade, e absentismo laboral, entre outros aspetos, sendo a conexão entre família e trabalho vista como concorrente pela gestão de recursos como o tempo e o esforço (Wayne et al., 2020). Contudo, esta relação pode também ser uma oportunidade favorável à criação de significado, à necessidade de uma nova identidade ou de rever prioridades. Pode conduzir ao enriquecimento mútuo, reforço e suporte.


Os diferentes papéis não têm de ser vistos como incompatíveis, mas podem interagir de um modo complementar, criando sinergias e novos significados.


Na perspetiva de Super (1980), ao longo do ciclo de vida os diversos papéis desempenhados pelos indivíduos assumem graus diferentes de importância sendo que a saliência que cada papel assume se exprime nas atitudes, conhecimentos e comportamentos que cada pessoa revela.


Deste modo, o significado atribuído a determinadas tarefas pode influenciar o tempo dedicado às atividades, sendo as competências de gestão de tempo primordiais para um maior bem-estar.


De acordo com as necessidades individuais, o espaço da consulta psicológica privilegia a (re)significação de preocupações, crenças, sentimentos e motivações, proporcionando uma perspetiva integradora, que procura apoiar na gestão, valorização e aceitação de acordo com o tipo de relação estabelecida.

#conciliacao #trabalho #familia #equilibrio #bemestar

Super, D. E. (1980). A Life-Span, Life-Space Approach to Career Development. Journal of Vocational Behavior, 16(3), 282-296.

Faria, L., & Loureiro, N. (2020). Equilíbrio família-trabalho: considerações a partir da pandemia do Covid-19 para o trabalho e a aprendizagem em casa. PSIQUE-Anais de Psicologia, 16, 22-33.

Wayne, J.H., Matthews, R., Crawford, W. & Casper, W.J. (2020). Predictors and processes of satisfaction with work–family balance: Examining the role of personal, work, and family resources and conflict and enrichment. Human Resource Management 59 (1), 25-42

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page